Análise morfotextural e aplicação de modelos de transporte de sedimentos na zona submersa adjacente a uma praia artificial em processo erosivo.

Tatiana Pinheiro Dadalto, Jacqueline Albino

Resumo


Este trabalho consistiu na aplicação de modelos de tendência granulométrica e de caracterização morfotextural da porção submersa adjacente à Praia da Curva da Jurema, Vitória, ES. Foram levantados dados batimétricos e granulométricos e aplicados os modelos GSTA (Grain-Size Trend Analysis) de Gao (1996) e GSTAST (Grain-Size Trend Analysis with Significant Test) de Chang et al. (2001), que vetorizam o transporte de sedimentos. Os modelos foram considerados válidos para esta área de estudo, uma vez que os vetores resultantes estão de acordo com o padrão de transporte mostrado pela caracterização morfotextural, que indica o transporte de sedimentos da praia rumo à área de maiores profundidades. A aplicação do GSTA mostrou-se mais satisfatória, uma vez que há a representação vetorial de todas as estações amostrais sem se distanciar do padrão morfotextural encontrado. Este trabalho representa uma grande contribuição ao estudo da análise de tendências granulométricas, pois mostra que a aplicação de modelos pode ser satisfatória em ambientes de grande dinamismo e em costas artificiais.


Palavras-chave


Caracterização morfotextural; transporte de sedimento; Análise de Tendência Granulométrica; erosão costeira; costa artificial.

Texto completo:

PDF


Quaternary Environmental Geosciences