INTERAÇÕES ENTRE ANTIBIÓTICOS E NUTRIENTES: UMA REVISÃO COM ENFOQUE NA ATENÇÃO À SAÚDE

Luciana Oliveira de Fariña, Graziella Poletto

Resumo


Quando algum medicamento é administrado juntamente com um alimento existe a possibilidade de alterações na farmacodinâmica ou na farmacocinética da droga ou do nutriente, alterando o estado nutricional ou a resposta terapêutica, sendo então definida a interação fármaco-nutriente. Existem poucos estudos a respeito dessas interações e devido aos estudos de biodisponibilidade dos medicamentos serem realizados em indivíduos em jejum por exigência dos órgãos sanitários, a interação dos nutrientes e a biodisponibilidade dos fármacos são de difícil conhecimento, com isso, muitas vezes interações acontecem e não são percebidas.            O fato de a administração oral ser preferida e conseqüentemente a mais utilizada na prática clínica por comodidade e segurança, as interações droga-nutriente são facilitadas. Dentre todos os fármacos disponíveis, os antimicrobianos, administrados em sua maioria por via oral, se destacam pela freqüência de utilização e uso incorreto, e por isso terão enfoque neste trabalho de revisão cujo objetivo é fornecer informações referenciadas que auxiliem os profissionais da saúde na orientação correta do paciente quanto ao uso destes medicamentos associados a alimentos.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/acd.v11i1.21359