ATRIBUTOS QUÍMICOS EM SOLOS DE PROPRIEDADES SUINÍCOLAS SUBMETIDOS A APLICAÇÕES SUCESSIVAS DE DEJETO DE SUÍNOS NO MUNICÍPIO DE BRAÇO DO NORTE, SANTA CATARINA

Rafael da Rosa COUTO, Jucinei José COMIN, Caetano Luis BEBER, Julio Francisco URIARTE, Gustavo BRUNETTO, Paulo BELLI FILHO

Resumo


No estado de Santa Catarina (SC) os suínos são produzidos em sistema de criação intensiva e os dejetos gerados são usados como adubo orgânico em sistemas de cultivos anuais ou pastagens. O presente trabalho teve como objetivo avaliar as alterações de atributos químicos do solo, submetidos a aplicações sucessivas de dejetos de suínos em seis propriedades suinícolas no Município de Braço do Norte (SC), cultivadas com culturas anuais e pastagens. Em setembro de 2009 foram aplicados questionários para a caracterização do sistema produtivo de suínos e do manejo dos dejetos em seis propriedades nas Microbacias Rio Coruja/Bonito e Rio Cachorrinhos, no município de Braço do Norte (SC). Na mesma data foram coletadas amostras de solo, na camada de 0-20 cm, em áreas com culturas anuais e pastagem das propriedades e áreas de mata nativa. O solo foi seco, moído, passado em peneira e preparado para a análise de matéria orgânica, pH em água, P disponível, K trocável e, Al, Ca, Mg trocáveis e, Zn, Cu e Mn. As aplicações sucessivas de dejetos de suínos líquidos ao longo dos anos na maioria das propriedades, localizadas em duas Microbacias da Região Sul de Santa Catarina, elevaram os teores de fósforo disponível e de potássio trocável até muito alto e os de cobre, zinco e manganês até alto.


Palavras-chave


contaminação ambiental; microbacias hidrográficas; nutriente; esterco

Texto completo:

PDF PDF (English)