ORIENTAÇÃO INDIRETA DE IMAGENS CBERS: AVALIAÇÃO DE TÉCNICAS QUE USAM LINHAS RETAS E SUA COMBINAÇÃO COM PONTOS

NILCILENE DAS GRAÇAS MEDEIROS, ANTONIO MARIA GARCIA TOMMASELLI

Resumo


Neste trabalho são apresentadas e avaliadas experimentalmente técnicas para orientação exterior de sensores  pushbroom, que permitem calcular os parâmetros
que descrevem a trajetória da plataforma usando linhas retas e a combinação de pontos com retas, como controle de campo. A aquisição da imagem por varredura linear (pushbroom) não é instantânea, e por esta razão, seis Parâmetros de Orientação Exterior (POE) devem ser calculados para cada linha da imagem. A posição e atitude do sensor são modeladas a partir de um polinômio dependente do tempo. O modelo matemático avaliado neste trabalho é uma adaptação do modelo dos planos equivalentes, para considerar a geometria da imagem de varredura linear. A relação entre o espaço imagem  e objeto é estabelecida a partir da equivalência entre o vetor normal ao plano de projeção no espaço imagem e o vetor normal ao plano de projeção no espaço objeto rotacionado. O modelo de colinearidade usando pontos, adaptado ao sensor de varredura linear, também foi implementado a fim de comparar as técnicas, bem como avaliar o uso conjunto de pontos e retas. Experimentos com dados reais usando uma imagem CBERS foram realizados para testar as técnicas desenvolvidas. Os resultados mostraram que é possível estimar os POE de imagens de varredura linear com o uso de retas, e que a
combinação de pontos e retas é uma possibilidade mais flexível e que garante bons resultados. 

Palavras-chave


Orientação de imagens; Sensor de varredura linear; Feições Lineares; CBERS.

Texto completo:

PDF


Boletim de Ciências Geodésicas. ISSN: 1982-2170