O Uso da Maquete no Ensino de Geografia

Bárbara Renata de Oliveira, Lawrence Mayer Malanski

Resumo


O uso da maquete no ensino da Geografia é um recurso didático importante, pois auxilia a compreensão detemas com elevado grau de dificuldade e abstração, além de promover a inclusão social de pessoas portadorasde deficiência visual parcial ou total pela utilização do tato no processo de aprendizagem. A maquetepermite a visualização em terceira dimensão dos objetos em estudo. Para a construção da maquete do Estadodo Paraná foram utilizados o mapa topográfico do Estado na escala 1/1.700.000, placas de isopor de 5mm,papel vegetal, papel carbono, fita adesiva, canetas coloridas, alfinetes, cola branca ou de isopor, massacorrida, lixa fina, tintas acrílicas e pincéis. O procedimento para a construção desta maquete foi: desenho dascurvas de nível, transposição das curvas de nível para as placas de isopor, recorte e colagem das placas deisopor, recobrimento com massa corrida, acabamento e suporte. Alguns cuidados são necessários, pois osmateriais pontiagudos e cortantes podem causar acidentes. A maquete é um recurso didático que podeauxiliar os estudantes na compreensão dos conceitos da Geografia nas mais diferentes escalas, permitindoestabelecer associações entre as diversas proporções, desde o local até o global. Essas associações devemestar relacionadas com o cotidiano do estudante e respeitar o seu desenvolvimento cognitivo.

Palavras-chave


Ensino de Geografia; maquete; recurso didático

Texto completo:

PDF


Extensão em Foco
ISSN impresso 1982-4432