GRAMÁTICAS CATEGORIAIS, CONCORDÂNCIA E COMPUTADORES

José Borges Neto, Márcio Renato Guimarães

Resumo


Neste texto, buscamos fazer uma apresentação, de forma clara e simples, do funcionamento de uma gramática de unificação categorial (GUC). Acrescentamos às gramáticas categoriais "clássicas" procedimentos de "unificação", obtendo um mecanismo teórico que pode permitir um tratamento computacional adequado dos fenômenos da concordância. A exemplificação é feita com os fenômenos da concordância nominal em português.

Palavras-chave


gramática categorial; unificação; concordância; processamento de língua natural

Texto completo:

PDF


Revista Letras - ISSN 0100-0888 (versão impressa) e 2236-0999 (versão eletrônica)