Cotidianidad y significación: aproximaciones al tema de la memoria desde el pensamiento de Humberto Giannini

Nelson Vergara Muñoz

Resumo


O trabalho apresenta uma resenha dos conceitos fundamentais da Teoria da Vida Cotidiana do filósofo chileno Humberto Giannini, a fim de esclarecê-la, partindo das noções-chave de temporalidade, o tempo das feiras e o tempo festivo, desde as quais se pode reconhecer uma função vital da memória. O principal objetivo é contribuir, teórica e metodologicamente, para o resgate da memória coletiva de grupos sociais inseridos em sua cotidianidade, na vida cultural e natural. Concebemos como primordiais e essenciais, desde a pesquisa que nos serve de base, a vida cotidiana, o ambiente natural e sócio-histórico, nos quais se desenvolvem a existência humana e assumimos sua interpretação desde uma perspectiva filosófica. Nesse contexto, pensamos a memória como uma construção sócio-histórica e avaliamos sua função como recriadora de mundos vividos ou sonhados, mais do que uma reprodução natural de acontecimentos. Em tal situação, o componente imaginário se mostra com toda a evidência. Por isso, a importância da narrativa como fator essencial de todo processo de rememorização, recolhida pelos relatos sagrados e profanos que expressam o devir dos tempos, em todos os lugares e línguas, em toda cultura e todo ambiente. Para fundamentar estas teses, o trabalho apresenta uma caracterização dos elementos básicos de toda cotidianidade, continua com a reflexão sobre o tempo e suas narrativas, para fundamentar a emergência histórica da memoria, e culmina com reflexões fundamentais sobre os tempos de trabalho, os tempos festivos e o papel da memória nessas temporalidades; essas abordagens informam sobre os caracteres sócio-histórico, cultural e ambiental dos processos de rememorização e, eventualmente, de esquecimento.



Palavras-chave


rotina; transgressão; temporalidade; memoria.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380%2Fdma.v23i0.21030

Desenvolvimento e Meio Ambiente. ISSN: 1518-952X, eISSN: 2176-9109