INDUÇÃO DA ENZIMA PIROCATECASE POR Acinetobacter baumanii ENVOLVIDA NA BIODEGRADAÇÃO DO HERBICIDA DIURON

SHIRLEI SCRAMIN, ANAMARIA FERREIRA MAYER DENTZIEN, ITAMAR SOARES DE MELO

Resumo



Uma linhagem de Acinetobacter baumanii, isolada
da rizosfera de cana-de-açúcar, cultivada em solos
tratados com Diuron foi incubadada em diferentes
substratos para verificar a presença de catecol 1,2-
dioxigenase (pirocatecase). Diferentes indutores
foram adicionados ao meio de cultura (glicose,
benzoato de sódio, Diuron, dicloroanilina, benzoato
de sódio + glicose, benzoato de sódio + dicloroanilina,
Diuron + glicose). As células bacterianas, obtidas
pelo processo fermentativo, foram coletadas após
centrifugação e rompidas por sonicação para
extração da enzima intracelular. A linhagem
apresentou alta atividade enzimática quando
benzoato de sódio ou benzoato de sódio + glicose ou
benzoato de sódio + dicloroanilina foram adicionados
ao meio de cultura. A atividade enzimática
acompanhou a produção de biomasa. No estudo da
cinética de crescimento, usando Diuron como fonte
de carbono e em três diferentes pH, essa linhagem
apresentou melhor resultado quando cultivada em
pH 6,8. Verificou-se pela avaliação da capacidade de
A. baumanii transformar o Diuron, que o metabólito
3,4-dicloroanilina (3,4-DCA) não foi produzido.

PYROCATECHASE INDUCED BY Acinetobacter baumanii INVOLVED IN THE BIODEGRADATION OF THE
HERBICIDE DIURON

Abstract


An Acinetobacter baumanii strain, isolated from Diuron treated sugarcane rhizosphere, was grown in different substrates
in order to determine the catechol 1,2-dioxygenase (pyrocatechase) presence. Different inducers were added to the
culture media (glucose, sodium benzoate, Diuron, dichloroaniline, sodium benzoate plus glucose, sodium benzoate plus
dichloroaniline, and Diuron plus glucose). The bacterial cells were harvested by centrifugation and disrupted by sonication
for intracellular enzyme extraction. The strain showed high activity of pyrocatechase when sodium benzoate or sodium
benzoate plus glucose or sodium benzoate plus dicloroaniline were added to the culture media. The enzymatic activity
followed the biomass production. According to the growing kinetics study using Diuron as a carbon source, and with
three different pH, this strain showed the best result when growed at pH 6.8. Estimating the A. baumanii capacity of
transforming Diuron, it was observed that the 3,4-dichloroaniline (3,4-DCA) metabolite was not produced.


Palavras-chave


Acinetobacter Baumanii; FERMENTAÇÃO LÍQUIDA; ATIVIDADE ENZIMÁTICA; DIURON; 3,4-DCA; LIQUID FERMENTATION; ENZIMATIC ACTIVITY; 3,4-DCA;DIURON.

Texto completo:

PDF


Pesticidas: Revista de Ecotoxicologia e Meio Ambiente. ISSN:19839847