A EXPERIÊNCIA NAS AULAS DE ALEMÃO COMO LÍNGUA ESTRANGEIRA NO CONTEXTO BILÍNGÜE

Lucía Elena Alvarez

Resumo


Tendo em vista a exigência cada vez maior de dominar duas ou mais línguas tanto no mercado de trabalho quanto no contexto acadêmico, é importante ver de que maneira o ensino dessas línguas estrangeiras modernas (LEM) se dá e de que maneira ele envolve os seus sujeitos. Assim, pretendo, neste artigo, discorrer sobre a relação entre os conceitos de linguagem e cultura, acrescentando a eles o conceito de experiência, apresentado primeiramente por Walter Benjamin e que parece estar no seu contexto correto dentro de uma sala de aula. Num segundo momento, descrevo uma experiência de observação de aulas que tive no contexto do ensino de alemão como língua estrangeira, fazendo propostas de mudanças que envolvam essas teorizações de maneira mais completa na prática de sala de aula.  


Palavras-chave


ensino de línguas

Texto completo:

PDF


Revista X. ISSN: 1980-0614