PADRONIZAÇÃO DA CITOLOGIA DE IMPRESSÃO DA SUPERFÍCIE OCULAR CANINA

C.A.L. GODOY-ESTEVES, J.N. BARROS, L.S. CUNHA, V.L.D. MASCARO, A.L. HOFLING-LIMA, P.S.M. BARROS

Resumo



Técnica de exame de citologia de impressão foi padronizada em olhos de cães sem
alterações oculares. Foram realizados exames de citologia de impressão do epitélio corneano,
conjuntival e tarsal em 30 olhos de 21 animais de raças e idades variadas. As amostras foram
colhidas de cães atendidos no Hospital Veterinário da FMVZ-USP entre fevereiro e julho de 2003,
sendo coradas e avaliadas no Laboratório de Doenças Externas Oculares da UNIFESP. A colheita
foi bem tolerada pelos cães e o papel filtro utilizado removeu células em quantidade e morfologia
adequadas para estudo citológico. Foi observado em 100% dos casos que o epitélio da conjuntiva
bulbar canina apresenta aspecto metaplasia-like, com ausência de células caliciformes. Estas só
foram encontradas na conjuntiva tarsal em 21,4% das amostras avaliadas dessa região. A citologia
de impressão é um método factível para avaliação da superfície ocular em cães. Entretanto, a
celularidade das amostras obtidas do tarso mostrou-se inadequada. Além disso, a pesquisa da
densidade de células caliciformes em áreas bulbares, embora usada em seres humanos, pode não
servir como indicador de alteração da superfície ocular para a espécie canina.

Standardization of canine ocular surface impression cytology

Abstract


Impression cytology technique in dog eyes without ocular disease was standardized.
Impression cytology was performed in corneal, conjunctival and tarsal epithelium in 30 eyes of 21
animals with different races and ages. Samples were obtained from dogs attended in FMVZ-USP
Veterinary Hospital between February to July 2003, being stained and evaluated at UNIFESP´s
External Eye Disease Laboratory. Sampling was well tolerated by dogs and the filter paper used
removed cells with adequate morphology and quantity for cytologyc evaluation. In all cases canine
bulbar conjunctival epithelium showed metaplasia-like features without goblet cells. Impression
cytology is a feasible method for ocular surface evaluation in dogs. However, celularity was considered
inadequated in samples obtained from tarsal conjunctiva. Furthermore, seeking goblet cell density
in bulbar areas, although used in human beings, may not be used as an ocular surface disease
indicator in canine species.


Palavras-chave


Citologia de impressão; Superfície ocular; Cães; Células caliciformes; Metaplasia; Impression cytology; Ocular surface; Dogs; Goblet cells

Texto completo:

PDF


Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.

Archives of Veterinary Science. ISSN: 1517-784X